• Atendimento de segunda à sexta, das 08h às 20h. Sábados das 08h às 18h.
ACETATO DE CIPROTERONA 50MG (C/20 CP)

ACETATO DE CIPROTERONA 50MG (C/20 CP)


Preço sob Consulta

Efetue Cotação
Não disponível

Enviar
Avise-me quando estiver disponível

Indicações para o Acetato de Ciproterona 50 Mg

No homem, este medicamento é destinado ao tratamento de redução do impulso em desvios sexuais, ao tratamento antiandrogênico em carcinoma de próstata inoperável.

 

Na mulher, este medicamento é destinado ao tratamento de manifestações graves de androgenização, por exemplo, hirsutismo grave patológico, queda pronunciada de cabelo androgênio-dependente resultando até em calvície (alopecia androgênica grave), frequentemente ocorrendo concomitante a formas graves de acne e/ou seborreia.

 

Quais as contraindicações do Acetato de Ciproterona?

Contraindicações em mulheres

  • Gravidez;
  • Lactação;
  • Hepatopatias;
  • Síndromes de Dubin-Johnson e de Rotor;
  • Antecedente de icterícia ou prurido persistente durante gestação anterior;
  • Antecedente de herpes gestacional;
  • Tumores hepáticos atuais ou anteriores;
  • Presença ou histórico de meningioma;
  • Doenças debilitantes;
  • Depressão crônica grave;
  • Processos tromboembólicos atuais ou anteriores;
  • Diabetes grave com alterações vasculares;
  • Anemia falciforme;
  • Hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da formulação.

No caso de uso adicional da terapia cíclica combinada em manifestações graves de androgenização, devem-se observar as contraindicações contidas na bula do produto escolhido que será usado em associação ao Acetato de Ciproterona (substância ativa).

 

Contraindicações em homens

Em redução do impulso em desvios sexuais:

  • Hepatopatia;
  • Síndromes de Dubin-Johnson e de Rotor;
  • Tumores hepáticos atuais ou anteriores;
  • Presença ou histórico de meningioma;
  • Doenças debilitantes;
  • Depressão crônica grave;
  • Processos tromboembólicos atuais ou anteriores;
  • Diabetes grave com alterações vasculares;
  • Anemia falciforme;
  • Hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da formulação.

No tratamento antiandrogênico em carcinoma de próstata inoperável:

  • Hepatopatia;
  • Síndromes de dubin-johnson e de rotor;
  • Tumores hepáticos atuais ou anteriores (apenas se estes não forem devidos a metástases de carcinoma de próstata);
  • Presença ou histórico de meningioma;
  • Doenças debilitantes (com exceção de carcinoma da próstata inoperável);
  • Depressão crônica grave;
  • Processos tromboembólicos atuais;
  • Hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da formulação.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


    Confira também